IoT, LEDs, Iluminação e o Futuro dos Ambientes de Trabalho

IoT, LEDs, Iluminação e o Futuro dos Ambientes de Trabalho

Entender como os empreendimentos são utilizados é fundamental para entender como construí-los e gerenciá-los. Os edifícios podem ser construídos de tijolo e argamassa, mas não são estáticos. Eles evoluem constantemente com base nas necessidades de seus ocupantes. As pessoas mudam seus horários e seus locais dentro de um edifício, assim como as tecnologias vão mudando. Neste artigo vamos conhecer algumas das tendências para o futuro dos ambientes de trabalho.

Para os proprietários dos edifícios, entender como o seu segundo maior investimento (o seu imobiliário) interage com o seu maior investimento (o seu pessoal) é fundamental para o sucesso financeiro a longo prazo.

Você tem muito espaço? Não o bastante? O tipo certo de espaço? Esse espaço tem a qualidade certa?

Para entender todas essas perguntas você precisa de dados confiáveis. E essas informações devem permitir que você entender as tendências de como seu prédio é usado. Esta tendência baseada em dados capacita sua equipe de planejamento para detectar oportunidades de fazer mudanças significativas.

ILUMINAÇÃO CONECTADA A IOT

UMA NOVA FONTE DE DADOS PARA O PLANEAMENTO DOS AMBIENTES DE TRABALHO

IoT (Internet of Things)= Internet das Coisas: a interconexão de dispositivos de informática incorporados em objetos cotidianos, permitindo que eles enviem e recebam dados através da internet.

Os planejadores dos ambientes de trabalho precisam de um dispositivo para coletar dados. Ao invés de adicionar uma tonelada de sensores a um edifício – ou pior, para pessoas – os designers precisam de algo que esteja em todas as salas, para indicar como o espaço é usado. A resposta provavelmente está acima de você agora. Está indicando que você está presente e está sintonizado com as necessidades de sua tarefa atual. A resposta é, claro, as luzes.

Os dados de iluminação IOT podem ajudar os proprietários a estabelecer uma nova estratégia de design no local de trabalho. Embora este não seja o caso de uso típico dos dados do sistema de iluminação, ele pode ser usado para entender a utilização do espaço. Isso adiciona uma dimensão poderosa ao planejamento no local de trabalho e à tomada de decisões.

Como cada espaço em um edifício requer iluminação, e a única razão pela qual temos luzes é para pessoas, as luzes são o candidato ideal para usar como fonte de dados; e as luzes não precisam de muita inteligência adicional para ser uma ótima fonte de dados.

TRÊS MANEIRAS ÚTEIS DE RASTREAR DADOS DE ILUMINAÇÃO

Aqui estão três maneiras úteis de rastrear dados de iluminação para o design do local de trabalho:

  • Se uma luz está ligada ou desligada indica se a sala está ocupada.
  • O número de luminárias ou cenas de iluminação que são usadas em uma sala indicará o tipo de função que está ocorrendo naquela sala.
  • As horas totais de uso do acessório podem indicar a utilização do espaço e as atividades mais freqüentes em que os usuários se envolvem.

Quando tudo que foi descrito acima estiver sendo rastreado e analisado, você perceberá algumas tendências:

  • Quais espaços em seu prédio são mais utilizados;
  • Quais espaços não se usam;
  • Que tipo de espaços estão em excesso, potencialmente levando a restrições de recursos que seus funcionários precisam para fazer seu trabalho.

Mapeando os dados em um prédio ou campus, você poderá otimizar seu investimento em mudanças em seus imóveis. Poderá permitir que você implante uma nova maneira de usar seu espaço com base nas melhores fontes de dados disponíveis: seus funcionários. Isso é melhor do que investir em um novo edifício!

ACENDER LUZES DE LED ATRAVÉS DE CABOS DE REDE

O custo para implementar um sistema de iluminação IOT pode ser reduzido através do avanço na tecnologia LED. O uso de LEDs reduz o consumo de energia e as luzes LED oferecem mais opções sobre como alimentar essas luzes. Os LEDs são tão eficientes que é possível alimentá-los usando um cabo ethernet, eliminando um cabo de alimentação tradicional.

Com o chamado Power Over Ethernet (POE), você pode controlar e alimentar uma luz LED com um cabo em vez de dois. O custo para instalar um cabo de alimentação é o mesmo que o custo para Ethernet. Além disso, elimina a necessidade de controle sem fio ou cabos adicionais nos dispositivos elétricos – resultando em menor custo de instalação. Essa é uma das fortes tendências para o futuro dos ambientes de trabalho. Usando o POE, as luminárias são imediatamente acessíveis para a IoT porque estão conectadas a uma linha de dados de dois sentidos.

Depois de ter conectividade Ethernet para cada dispositivo elétrico, a capacidade de controle e coleta de dados é um foguete. Você não precisa de dispositivos inteligentes – você precisa apenas de um controlador inteligente centralizado que envia, rastreia e descobre tendências. Uma vez conectado a uma interface baseada na nuvem, os gerentes de instalações e os proprietários dos edifícios recebem informações instantâneas sobre a utilização do edifício.

Adicione a tecnologia POE à sua próxima atualização de iluminação. Tenha uma nova fonte de dados para sua equipe de estratégia.

A CONEXÃO DE BEM-ESTAR

COMO UM SISTEMA DE ILUMINAÇÃO CONECTADO POR POE E IOT CONTRIBUI PARA UM AMBIENTE DE TRABALHO OTIMIZADO

Os dispositivos elétricos LED com conexão POE e IOT podem ser usados ​​para aumentar a saúde e o bem-estar juntamente com o desempenho de energia otimizado. Os LEDs podem modificar o espectro de luz que está sendo fornecido. Em combinação com a capacidade de escurecimento, permite que um designer de iluminação otimize um espaço para o desempenho cognitivo humano.

Os seres humanos evoluíram ao ar livre por milhares de anos antes de entrar para trabalhar sob iluminação artificial. As pessoas realizam melhor, se sentem melhor, e desfrutam seus arredores mais quando estão conectadas à natureza. E a luz natural tem milhares de permeações por minuto e muda constantemente para refletir a hora do dia, o tempo e as reflexões da superfície circundante.

Os LEDs podem ser sintonizados para combinar os ciclos naturais da luz do dia, com tons azuis pela manhã dando lugar a tons vermelhos à noite. Este padrão de iluminação permite que os espaços interiores imitem os ritmos naturais do ar livre. Programação de iluminação artificial para combinar luz natural, comprovadamente melhora o desempenho cognitivo. Também pode ajudar os ocupantes do prédio a acordar, adormecer mais rápido à noite e ficar revigorado por mais tempo.

O FUTURO É BRILHANTE

A iluminação conectada à IoT é mais do que uma tendência tecnológica para o futuro dos ambientes de trabalho. Ela nos permite encontrar novos usos para coisas antigas e reformular nossa compreensão de itens que antes eram vistos como estáticos. As luzes e os controles podem fornecer uma fonte de dados rica que lhe permitirá otimizar seus imóveis corporativos e as pessoas que trabalham neles. A iluminação conectada à IOT reduz a adivinhação e torna a tomada de decisão baseada em dados reais. Assim, cria soluções para muitas necessidades dos ambientes de trabalho, contribuindo para a sustentabilidade e o bem-estar.

Deixe uma resposta