5 Tendências para a Construção de Prédios Comerciais

5 Tendências para a Construção de Prédios Comerciais

Mais um ano está começando e com eles novas tendências de construção de prédios comerciais estão chegando. Hoje, devido ao novo ritmo estabelecido com as inovações tecnológicas, algumas mudanças não podem ficar para depois. Se você quer impressionar os clientes, é essencial a construção de um local que transmita a identidade do seu negócio. O design, o layout, a decoração, cada um desses elementos interfere diretamente no modo como o seu cliente e seus colaboradores serão impactados.

Também surgem novas tendências de construção de prédios comerciais em relação a soluções estruturais. Além disso, por conta da onda verde que tem ficado cada vez mais forte, as inovações sustentáveis também estão em destaque. Além de reduzirem o impacto sobre o meio ambiente, muitas delas também geram economia para os empresários.

Todo engenheiro e arquiteto precisa ficar por dentro das novidades. Por isso, nós separamos cinco tendências de construção de prédios comerciais que prometem ser um sucesso em 2018.

 

Sistemas de paredes com eficiência energética

 

Os blocos de isolamento têm sido amplamente utilizados na construção de prédios comerciais. Contudo, até agora não era possível integrá-los de maneira eficaz a sistemas de paredes completos.

Com o surgimento de novas tecnologias isso se tornou possível. Atualmente, é possível utilizar blocos de isolamento, juntamente com sistemas de eficiência energética. Isso oferece não só uma estrutura mais resistente, como também ajudar a reduzir os ruídos externos.

Além disso, agora esses sistemas completos exigem menos tempo de colocação e são extremamente mais em conta. Existem ainda estruturas que podem ser colocadas levando em conta as necessidades de cada região. É possível, por exemplo, escolher um sistema de paredes que absorva menos o calor em empresas localizadas no Norte e Nordeste.

 

Incorporação de design verde

 

Outra tendência de construção de prédios comerciais é incorporação de designs e layouts que sejam sustentáveis. Isso se deve principalmente às constantes mudanças climáticas que acabam por gerar fenômenos específicos em regiões distintas.

Mais do que ajudar o meio ambiente, a utilização desse estilo de construção também torna o ambiente de trabalho mais produtivo. Diversos estudos apontam que um escritório sustentável tende a ter um desempenho bem mais elevado do que os que possuem estruturas tradicionais.

Por exemplo, o uso de bambu sobre madeira, bem como os chamados telhados vivos, ajudam não só a controlar a temperatura interna do espaço, como também a melhorar o ar e a umidade.

Todas essas soluções têm como objetivo diminuir os custos empregados não só na construção de prédios comerciais, mas também no dia a dia após a finalização das obras. Reduzir o consumo de água, luz e melhorar o gerenciamento de resíduos são apenas alguns dos benefícios do design verde.

 

Vidro inteligente em novos edifícios

 

 

Essa é uma tendência que segue a mesma linha da construção de prédios comerciais verde. O vidro inteligente nada mais é do que uma forma de se referenciar o vidro que é matizado ou glazed.
Ambos servem como uma solução energética, pois conseguem proporcionar temperaturas mais agradáveis dentro dos edifícios por meio do controle da luz e brilho, bem como dos raios solares.

Além de oferecer mais visibilidade para os funcionários, o vidro inteligente também faz um aproveitamento maior da luz natural, o que por sua vez, ajuda a diminuir o consumo de energia e a proporcionar um ambiente de trabalho mais agradável.

Uma das novidades dentro do segmento de vidros inteligentes é que existem modelos que podem ser controlados eletronicamente. Isso quer dizer que diretamente do seu smartphone você pode configurar o vidro para diferentes situações, como por exemplo dias em que a intensidade do sol é maior, ou dias em que o tempo está nublado.

 

Espaços colaborativos e casuais

 

office

O bem-estar dos funcionários também é uma das preocupações das empresas. Por conta disso, a criação de espaços colaborativos e casuais também é uma das tendências da construção de prédios comerciais.

Além de oferecerem uma série de opções, como por exemplo cafés, redário, minimercado e videogames eles têm como objetivo promover a interação entre os colaboradores. Dessa maneira, além de um local onde cada trabalhador pode curtir um momento de pausa, a empresa também exercitará a colaboração entre funcionários.

Dentro dessa tendência se destaca outra que é a criação desses espaços colaborativos em locais verdes. A maioria dos funcionários acabam passando tempo demais dentro do escritório. Portanto, é essencial que eles tenham um momento ao ar livre.

Por isso, decks e ambientes em espaços abertos tem se tornado cada vez mais populares. Dentro deles é possível implantar uma grande gama de opções, desde as tradicionais redes de descanso, até quem sabe a construção de uma horta comunitária entre os colaboradores.

 

Uso da realidade virtual no projeto de construção

 

Por fim, a última tendência da construção de prédios comerciais é o uso da Realidade Virtual para auxiliar o projeto de construção. Essa tecnologia tem sido constantemente atualizada e se tornado cada vez mais útil para diferentes setores.

Apesar de ser utilizada a princípio na indústria do entretenimento, hoje o VR já é uma ferramenta extremamente útil para outras áreas. No caso do ramo de construção essa inovação tem como objetivo oferecer uma possibilidade de visualização para os engenheiros, arquitetos e clientes.

Hoje, com um óculos e um software de VR já é possível por exemplo andar dentro de projetos de construção de prédios comerciais e verificar cada detalhe do empreendimento. Tanto o arquiteto quanto o cliente podem verificar suas ideias e avaliar se elas realmente ficarão boas quando finalizadas.

Além disso, essa tecnologia também permite o compartilhamento de experiências à longas distâncias. Imagine poder debater com outros profissionais o seu projeto, mas, a quilômetros de distância. Isso é possível com a utilização dessa ferramenta tecnológica.

Todas essas tendências de construção de prédios comerciais seguem uma mesma linha interativa e sustentável. Isso porque, as necessidades atualmente estão focadas na criação de espaços otimizados, verdes e totalmente tecnológicos, que ofereçam mais conforto. Mais do que isso, o foco é a diminuição de custos por meio de soluções inteligentes.

E aí, tem alguma outra tendência que deixamos de citar? Deixe o seu comentário pra gente!

Deixe uma resposta